Siga-nos nas redes sociais

Com propostas de disrupção e inovação, o Laboratório de Inovação é um espaço em que a criatividade e a colaboração trabalham lado a lado. É nesse ambiente de desenvolvimento de novos produtos e serviços que diversos conhecimentos e ideias podem ser compartilhadas, potencializando assim o desenvolvimento de uma empresa por meio da evolução tecnológica.

Nesse episódio da série Conversando com o C-Level, Amir Faria, o CMO da GoBacklog, fala sobre a importância de um Laboratório de Inovação para a expansão das empresas.

Outro exemplo é quando uma empresa que atua geograficamente em um Estado específico da União, e no outro Estado ela não atua. Então ela pode se juntar com uma Empresa semelhante a ela naquele outro Estado que ela não atua e propor a montagem de um Laboratório de Inovação específico para o seu nicho. Essas empresas vão juntar recursos, e com esses recursos elas vão fomentar e melhorar seus processos e seus ativos tecnológicos.

O que é Laboratório de Inovação?

Laboratório de Inovação é quando uma empresa junta recursos financeiros e capital humano, a partir daí, ela investe esses recursos voltados especificamente para a inovação.

O Magazine Luiza, por exemplo, tem a própria empresa, que faz toda a operação da empresa, e tem também o Laboratório de Inovação, onde existem pessoas que olham especificamente para o negócio dela, mas estão buscando novas ideias para melhorar a performance da empresa como um todo.

Qual a importância do Laboratório de Inovação aberto no crescimento das empresas?

A importância é que você acaba reduzindo custos sobre a inovação, porque a aceleração da inovação acontece e você consegue trazer mais pessoas, de fora da organização, com mais experiência para atuarem em sua empresa, buscando inovação dentro dela.

Essas pessoas geralmente também estão em contato com outros mercados, por isso elas trazem informações que não são daquele mercado, mas que conseguem agregar muito para sua organização.

Muitas empresas adotam procedimentos mistos, conjugando práticas do Laboratório de Inovação Aberta, visando encontrar o melhor caminho para inovar. É possível que este modelo de inovação se expanda para todos os mercados?

Eu acredito que seja possível sim, especialmente porque as empresas que não têm um orçamento muito grande para investir em inovação, acabam tendo que olhar para dentro da própria empresa, então elas têm que fomentar uma cultura de inovação.

A partir do momento em que a empresa têm orçamento para investir mais em inovação, ela deveria buscar auxílio e fazer um misto de Inovação Interna e Inovação Aberta, fazendo com que essas duas frentes trabalhem em conjunto, gerando mais resultados e conseguindo trazer mais inovação para a empresa.

Leia O Cenário da Inovação no Brasil | Conversando com o CEO

Reinventar, normalmente, custa caro, portanto empresas tradicionais de diversas áreas buscam meios diferentes para promover inovação. No caso dos Laboratórios de Inovação, qual a melhor forma de alcançar resultados reduzindo custos?

É perfeitamente possível que empresas não concorrentes se juntem para montar Laboratórios de Inovação. Por exemplo, se eu tenho na cidade um restaurante, ele naturalmente concorre com outros restaurantes. Mas esses restaurantes poderiam se unir para criar uma solução que melhorasse a performance de todos esses restaurantes, e acabar por dividir o investimento da inovação entre eles.

Mesmo eles sendo concorrentes, eles podem se juntar para estarem investido nessa frente de inovação, seja criando aplicativos, que podem se tornar inclusive ativos desse grupo de restaurante.

Outro exemplo é quando uma empresa que atua geograficamente em um Estado específico da União, e no outro Estado ela não atua. Ela pode então se juntar com uma empresa semelhante a ela naquele outro Estado, que ela não atua, e propor a montagem de um Laboratório de Inovação específico para o seu nicho. Essas empresas vão juntar seus recursos, e com esses recursos, elas vão fomentar e melhorar seus processos e ativos tecnológicos.

Qual a experiência da GoBacklog como parceiro de Inovação Aberta?

Agora em fevereiro de 2019, nós completamos 12 meses como Laboratório de Inovação de um cliente específico. Temos outros clientes também nessa situação, mas esse cliente é de longa data, e em 12 meses nós conseguimos entregar duas soluções tecnológicas, que resolviam duas dores desse cliente, e eles estão bastantes satisfeitos com todos esses resultados. Eles realmente acreditaram na proposta e ainda enxergaram valor e vão continuar investindo em inovação.

A nossa experiência é de justamente trazer, para os mercados que nós estamos atuando, inovações em outros setores, as inovações transversais, que são muito importante para agregar valor. Então com toda bagagem e estudo que a GoBacklog tem, nós conseguimos agregar para cada projeto, informações não só daquele mercado, mas para o mercado com um todo.

Links para Leitura

Vídeos para saber mais

1. 50 empresas que mais inovaram em 2018

Priscylla Silva

Especialista de Marketing na GoBacklog, uma empresa especializada no desenvolvimento de soluções digitais que vem mudando a forma de se criar negócios digitais de sucesso. Jornalista, apaixonada por Marketing e uma grande fã de inovações tecnológicas.
Fechar